<iframe src="//www.googletagmanager.com/ns.html?id=GTM-5R53WF" height="0" width="0" style="display:none;visibility:hidden"></iframe>
23 mar
21 mar

Como se preparar para uma travessia no mar

Quando tinha 18 anos, a professora Bebel foi convidada a fazer uma travessia de 1000 metros em Caraguá. Veja seu relato:

“Eu já realizava treinos diários superiores a 3000 metros, o que teoricamente me deixava segura para fazer minha primeira travessia em alto mar. Mas quando terminei a primeira prova descobri que não era bem assim… Uma travessia tem inúmeras dificuldades e vou citar algumas:

  • não se vê o fundo do chão
  • perde-se a direção
  • há animais marinhos (!!!)
  • há ondas e correnteza…

 

Com tantos empecilhos, a notícia boa é que com preparo físico e psicológico tudo é possível! Minhas dicas:

  • tente sempre identificar o local da travessia. Adaptar-se ao ambiente é fundamental.
  • treine respiração para os dois lados , pois você pode ser surpreendido por ventos ,ondas que possam prejudicar a respiração para um lado só.
  • tire o pé do chão. Na piscina você se apoia na borda, coloca o pé no chão, faz virada olímpica, ganha impulso… tudo isso quebra a continuidade. Portanto é superimportante fazer treinos sem pausas.”
Share this
15 mar

7 benefícios para quem treina com o Projeto Mulher

Não existe uma regra de quanto tempo de exercício é preciso fazer. Tudo depende da intensidade, frequência e duração da atividade. Mas segundo a Organização Mundial da Saúde, o ideal é treinar 5 x vezes por semana, 30 minutos de atividade leve a moderada.

Se for com a gente, num dos treinos ao ar livre do Projeto Mulher, melhor ainda! Confira os locais de treino aqui. Além de emagrecer, a atividade física melhora a qualidade de vida. Veja só:

 

  • Combater a depressão: quando fazemos exercício, o corpo libera serotonina e outros hormônios de prazer, modulando o humor.
  • Bom para diabéticos: o exercício também diminui a resistência à insulina porque os músculos passam a usar melhor a glicose do sangue.
  • Dá uma força para quem tem osteoporose: a atividade física aumenta a deposição de cálcio nos ossos, podendo reverter a osteoporose para osteopenia.
  • Para os cardíacos: alivia o trabalho do coração, melhora a qualidade de vida, aumenta a capacidade de se exercitar, diminui o cansaço, melhora o sono e diminui a chance de um novo infarto.

 

Mas antes de iniciar o treino com o Projeto Mulher, é importante fazer uma avaliação médica. E aí, bora treinar?

Share this
20 ago
05 ago
25 jun
09 jun
20 maio
22 abr
04 abr

© 2014 Of Memory Hosting. All rights reserved.